Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 12, 2011

Galeria de Imagens - As 10 coisas mais estranhas do espaço

Imagem
O universo é cheio de mistérios que nem as melhores mentes da Terra conseguem decifrar. Confira alguns deles, com os buracos negros, a antimatéria e a matéria escura:

1 – Antimatéria As partículas que compõem a matéria normal têm versões opostas de si mesmas. Um elétron tem uma carga negativa, por exemplo, mas o seu equivalente de antimatéria, o pósitron, é positivo. Matéria e antimatéria aniquilam-se quando colidem e sua massa é convertida em energia pura pela equação de Einstein E = mc2. Alguns projetos de nave espacial futuristas incorporam motores de antimatéria.
2 – Mini buracos negros Se uma nova e radical teoria da gravidade estiver correta, então existem espalhados por todo nosso sistema solar milhares de pequenos buracos negros, cada um do tamanho de um núcleo atômico. Ao contrário de seus irmãos maiores, esses buracos negros são mini sobras primordiais do Big Bang e afetam o espaço-tempo de maneira diferente por causa de sua estreita associação com uma quinta dimensão.
3 – Radiaç…

Bóson de Higgs: LHC anunciará seu resultado mais esperado

Boatos científicos Nesta terça-feira, o CERN, instituição responsável pelo LHC, vai anunciar os tão esperados resultados sobre a busca do bóson de Higgs. Com centenas de cientistas em cada um dos experimentos, é virtualmente impossível manter segredo dos resultados. Nos últimos três dias, boatos inundaram os blogs de física, incluindo aqueles mantidos por cientistas. E, a medir por esses boatos, parece que o anúncio do CERN pouco fará além de adiar a questão.
Sinais insuficientes
Parece que os resultados dos detectores CMS e Atlas não são capazes nem de comprovar a existência do Bóson de Higgs e nem de descartá-la. Talvez seja por isso que as duas equipes farão anúncios separados de suas conclusões. Os rumores indicam que os cientistas encontraram indícios do bóson de Higgs em uma massa de 125 giga elétron-volts, cerca de 133 vezes a massa de um próton - bem no meio da estreita faixa que lhe restava: O problema é que, continuam os rumores, a certeza estatística desses indícios, encontrad…

Maior telescópio do mundo tem orçamento aprovado

Imagem
Quatro feixes de laser vão criar "estrelas artificiais" na atmosfera da Terra como parte de um sofisticado sistema de óptica adaptativa para corrigir a turbulência e produzir imagens mais claras.[Imagem: ESO/L. Calçada]
Caminhos para o maior telescópio do mundo
O conselho administrativo do Observatório Europeu do Sul (ESO) aprovou o orçamento da instituição para 2012, incluindo os trabalhos de preparação da estrada que leva ao local de instalação do E-ELT e o desenvolvimento de alguns componentes ópticos bastante complexos para o telescópio. O E-ELT (European Extremely Large Telescope) será o maior telescópio do mundo. Com alguns dos países membros do ESO já comprometidos em financiar parte dos custos adicionais relativos ao projeto, espera-se a aprovação final de todo o programa E-ELT para meados de 2012. O orçamento prevê recursos para o trabalho de preparação nas estradas de acesso ao local do telescópio no Cerro Armazones e trabalhos iniciais no espelho de óptica adaptativ…

NASA cataloga milhares de asteroides em rotas próximas a Terra

Imagem
Segundo uma nova pesquisa, cerca de 1.000 asteroides grandes o suficiente para causar danos catastróficos caso atinjam a Terra estão orbitando relativamente próximos de nós. Esses números são resultado de um projeto da NASA, agência espacial dos EUA, ordenado pelo Congresso americano em 1998. A ideia era encontrar 90% dos objetos próximos da Terra que tem pelo menos 1 quilômetro de diâmetro ou mais. A pesquisa está agora completa, com 93% dos objetos contabilizados. Usando o recentemente aposentado telescópio explorador infravermelho da NASA (WISE), os cientistas também encontraram cerca de 20.500 pequenos asteroides perto da Terra. Estudos anteriores estimavam a existência de 36.000 a 100.000 desses objetos, que têm um diâmetro de cerca de 100 metros. Segundo os cientistas, um impacto não é um evento muito provável. Mas também, uma grande colisão com um asteroide não é impossível – coisa que pode e inclusive já aconteceu. Os pesquisadores acreditam que um asteroide ou cometa entre 5 …

Possível objeto não identificado é visto em Mercúrio

Imagem
Em outubro de 2006, a NASA lançou ao espaço a sonda STEREO (sigla em inglês para “Observatório de relações solares e terrestres”), com a missão de monitorar o sol. Mas a câmera instalada no veículo espacial acabou captando algo inusitado: no último dia 1º, um objeto não identificado foi registrado passando sobre Mercúrio. No vídeo captado pelo equipamento da agência, o que se observa é uma onda luminosa, de material eletricamente carregado, explodindo e incidindo sobre o planeta mercúrio visto do espaço. O nome atribuído a visões de fenômenos como esse é “Ejeção de massa coronal” (CME, na sigla em inglês), e está relacionado a atividades na superfície do sol. Mas as CME, em geral, apenas incidem luminosidade sobre determinado ponto como um flash, único e sem interferências. Nesta filmagem, contudo, o espectador pode ver claramente que a tal emissão de energia parece explodir e pegar fogo, o que dá a ideia de que se choca com um corpo espacial aparentemente invisível. Não há nenhum ind…

Subsolo de Marte é propicio à vida microbiana, afirmam cientistas

Imagem
Depois de Titã, Marte foi o planeta que ficou mais perto da Terra no sentido de reunir as condições favoráveis à vida. Esta imagem foi capturada pela sonda Endeavour, que percorreu mais de 20 km entre as crateras Victoria e Endeavour, no Planeta Vermelho.Foto: Nasa/Divulgação Vastas regiões nas profundidades do subsolo de Marte são suscetíveis para abrigar uma vida microbiana, anunciaram cientistas australianos que compararam as condições de vida no Planeta Vermelho com as da vida na Terra. Apesar de apenas 1% do volume total da Terra (do núcleo à alta atmosfera) abrigar alguma forma de organismo vivo, a proporção alcançaria em tese 3% do volume de Marte, em especial nas regiões subterrâneas, segundo Charley Lineweaver, da Universidade Nacional da Austrália.  "O que estamos tentando fazer é, simplesmente, pegar todas as informações de que dispomos, uni-las e perguntar: este conjunto é coerente com a vida em Marte?", destacou o astrobiólogo Lineweaver. "A resposta é sim. …

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...