Descoberta de planetas perto do sistema solar reacende desejo por viagem estelar

Astrônoma da Universidade da Califórnia defende o envio imediato de uma sonda ao novo planeta descoberto no sistema Alfa Centauro B
Impressão artística mostra o planeta em órbita da Alfa Centauri B/ ESO/L. Calçada
A notícia divulgada semana passada, segundo a qual existe um planeta circulando Alfa Centauro B , somente a um pouquinho mais de quatro anos-luz de distância, estimulou uma epidemia de devaneios entre o mundo astronômico e o de ficção científica, contando comigo. Para quem acredita que viagens interestelares, para pessoas ou robôs, pertencem ao futuro, Alfa Centauro, sistema estelar trinitário considerado o vizinho mais próximo do Sol, sempre representou um destino grande e próximo. Por exemplo, ele foi o lar do mítico mundo florestal de Pandora no épico " Avatar ", de James Cameron. O novo planeta não conta com selvas, felinos gigantes de pele azul ou, até onde sabemos, o mineral mágico unobtainium. Em vez disso, é uma bolha infernal de lava inabitável, provavelmente do tamanho da Terra, somente a 6,5 milhões de quilômetros dos fogos de Alfa Centauro B, a segunda estrela mais brilhante do sistema.

Contudo, se os astrônomos aprenderam alguma coisa ao longo dos últimos anos por meio de equipamentos como o satélite Kepler, é o fato de planetas pequenos virem em bandos. Existe muito espaço no sistema para mais planetas, e planetas habitáveis. Devemos parar tudo e enviar uma sonda até lá", disse Sara Seager, astrônoma do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, reproduzindo pedido feito ano passado por Geoff Marcy, pioneiro dos exoplanetas, da Universidade da Califórnia, campus de Berkeley. Na verdade, existe uma pessoa encarregada de fazer justamente isso. Ela se chama Mae Jemison, ex-astronauta, engenheira, bailarina, atriz e empreendedora.

 Em conjunto com a Icarus Interstellar, fundação sem fins lucrativos, ela ganhou uma subvenção governamental de US$ 500 mil neste ano para criar a 100 Year Starship, organização cujo objetivo é criar um plano de negócios para viagens interestelares. A DARPA (Agência de Projetos de Pesquisa Avançada da Defesa, na sigla em inglês), órgão que ajudou a inventar a internet e agora quer ajudar a inventar a viagem interestelar, estimou que o simples planejamento para esse tipo de jornada poderia consumir cem anos. Jemison, 56 anos, espera que não demore tanto. O planeta de Centauro foi anunciado oficialmente no dia de seu aniversário e, enquanto falava pelo telefone da nova sede em Houston, ela parecia bastante animada.

"Não consigo imaginar um aniversário mais legal."

Hoje em dia, sua principal função é divulgar a notícia e levantar dinheiro. A perspectiva de locais habitáveis torna muito mais real a ideia de viajar para outras estrelas, ela afirmou. "É uma bênção, pois a maioria das pessoas já ouviu falar de Alfa Centauro. Fica perto." Bem, perto, mais ou menos. O espaço é mais profundo e velho do que a maioria dos humanos consegue compreender. Não dá para medir ano-luz a passos. Daqui até Alfa Centauro B, a distância é de 4,4 anos-luz (41 trilhões de quilômetros).
Fonte: Correio On-line

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Tipos de Estrelas

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton