Enxame Galático da Fornalha

Crédito: Marco Lorenzi
 
Como é que os enxames de galáxias se formam e evoluem? Para ajudar a responder à questão, os astrónomos continuam a estudar o segundo enxame galáctico mais próximo da Terra: o enxame da Fornalha, com o nome da constelação do Hemisfério Sul, a direcção onde a maioria das galáxias podem ser encontradas. Apesar de estarem quase 20 vezes mais distantes do que a nossa vizinha Galáxia de Andrómeda, o enxame da Fornalha está apenas 10% mais longe do que o mais conhecido e mais povoado enxame galáctico de Virgem. O enxame da Fornalha tem uma região central bem definida que contém muitas galáxias, mas ainda está em evolução. Tem outros agrupamentos de galáxias que parecem distintos e que ainda irão fundir-se. Na imagem, quase todas as manchas amareladas representam uma galáxia elíptica do enxame da Fornalha. A pitoresca galáxia espiral barrada, NGC 1365, visível no canto inferior direito, faz também parte do enxame da Fornalha.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Tipos de Estrelas

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton