Descoberta de supernova dá pistas sobre a expansão do universo

Chamada de SN Wilson, a supernova está localizada há 10 bilhões de anos-luz da Terra
Imagem mostra a supernova descoberta (detalhe) em meio ao universo Foto: Nasa / Divulgação 

A agência espacial americana (Nasa) divulgou nesta quinta-feira a descoberta feita pelo telescópio espacial Hubble de uma supernova localizada há 10 bilhões de anos-luz da Terra. Chamada de SN Wilson, em homenagem ao ex-presidente americano Woodrow Wilson, a supernova deve ajudar a medir a expansão do universo. Ela também deve dar pistas sobre a natureza da matéria escura. SN Wilson é classificada como uma supernova do tipo Ia, que tem um nível constante de brilho e que, por isso, ajuda nas pesquisas sobre a expansão do universo. A distância de 10 bilhões de anos-luz em relação à Terra é considerada a maior entre os corpos celestes do grupo. "Essa nova recordista em distância abre uma janela para o universo primordial, oferecendo novas pisas sobre como as estrelas explodem", disse David O. Jones, pesquisador da Universidade Johns Hopkins, em nota divulgada pela Nasa. "Com essa descoberta podemos testar teorias sobre quão confiável são essas explosões para a compreensão da evolução do universo", disse o líder do estudo. A descoberta faz parte de um programa de pesquisa desenvolvido há três anos. A ideia é usar as supernovas – corpos celestes que surgiram a partir da explosão e estrelas de grande massa – para analisar a teoria vigente de que o universo formou-se a partir do Big Bang, há cerca de 13,8 bilhões de anos.
Fonte: Terra
 

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Tipos de Estrelas

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton