As chuvas de meteoros que você verá no Brasil em breve

Outubro é mês de chuva de meteoros. Novembro e dezembro também. Veja como observar esses fenômenos no Brasil
 
Frequentemente, a atmosfera terrestre é invadida por meteoroides em velocidades altíssimas. Em chamas, estes fragmentos iluminam o céu e dão origem às chuvas de meteoros. Estes fenômenos têm data certa para acontecer e podem ser observados em noites de tempo bom, preferencialmente longe das luzes das grandes cidades. Segundo André da Silva, astrônomo do Observatório Dietrich Schiel, da USP São Carlos, a melhor forma de observar as chuvas é após a meia noite e requer apenas um equipamento: os olhos. “Sente-se em uma cadeira reclinada, olhe para cima e fatalmente irá enxergá-las”, explicou. Quem desejar, pode ainda usar apps como o Stellarium. Disponível em iOS e Android, ele informará a localização da constelação da qual a chuva virá, facilitando saber para onde direcionar o olhar. Confira e anote na agenda quais são as próximas chuvas de meteoros que você poderá observar do Brasil.
 
Orionídeas
Esta chuva de meteoros terá seu pico entre os dias 21 e 22 de outubro de 2013 e, de acordo com André, a taxa média de meteoros visíveis pode chegar a até 14 por hora. Seu radiante, isto é, o ponto no céu do qual a chuva de meteoros parece vir, está na constelação de Órion.
Leonídeas
Com radiante na constelação de Leão, esta chuva de meteoros terá seu pico entre os dias 17 e 18 de novembro de 2013 e, em média, poderão ser observados até 10 meteoros por hora.
Geminídeas
O pico desta chuva de meteoros acontecerá entre os dias 13 e 14 de dezembro de 2013. Seu radiante está na constelação de Gêmeos e a taxa média será de 20 meteoros por hora.
Lirídeas
Esta chuva de meteoros poderá atingir uma média de até 10 meteoros por hora e terá seu pico observado entre os dias 21 e 22 de abril de 2014. Seu radiante está na constelação de Lira.
Eta Aquarídeas
A chuva de meteoros chamada Era Aquarídeas terá seu pico nos dias 5 e 6 de maio do ano que vem. Segundo André, poderão ser observados até 30 meteoros por hora. Seu radiante pode ser observado na constelação de Aquário.
Delta Aquarídeas
Com pico entre os dias 27 e 28 de julho de 2014, a chuva de meteoros Delta Aquarídeas tem seu radiante também na constelação de Aquário. Durante sua passagem pela Terra, poderão ser observados até 10 meteoros por hora.
Perseidas
Recentemente vista na Terra, esta chuva de meteoros acontecerá de novo no ano que vem, com pico entre os dias 11 e 12 de agosto. A taxa média de meteoros por hora será de 15 e seu radiante está na constelação de Perseu.
Fonte: Exame.com


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Tipos de Estrelas

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton