Elusiva matéria escura já pode ter sido encontrada

A misteriosa matéria escura que compõe a maior parte da matéria no universo pode ter sido detectada com circuitos supercondutores, segundo os pesquisadores. 
A matéria escura é atualmente um dos maiores mistérios do cosmos – uma substância invisível pensada para formar 5/6 de toda a matéria no universo. O consenso científico agora é que a matéria escura é composta por um novo tipo de partícula, que interage muito fracamente com a matéria comum e com todas as forças conhecidas do universo, com exceção da gravidade. Como tal, a matéria escura é invisível e quase completamente intangível, detectável apenas através da atração gravitacional que exerce sobre a matéria comum.
 
Uma série de experimentos em andamento com base em enormes conjuntos de sensores enterrados estão tentando identificar os sinais fracos da matéria escura. Até agora, nenhum desses estudos detectou impressões digitais da matéria escura. Agora, o físico teórico Christian Beck, da Queen Mary University of London, sugere que detectores de mesa muito menores podem ser capazes de detectar axions, que são os principais candidatos teóricos para as partículas de matéria escura. Investigações teóricas recentes sugerem que os axions podem se condensar em conjunto, formando essencialmente super-partículas que os físicos chamam de condensados ​​de Bose-Einstein.
 
Beck observou que as equações que descrevem o movimento destes axions eram muito semelhantes às que regulam um tipo especial de circuito conhecido como junção S/N/S de Josephson, um dispositivo composto por dois supercondutores separados por uma fina camada de metal. (Supercondutores são materiais em que a eletricidade pode fluir sem qualquer resistência.) Beck calculou que axions poderiam deixar para trás um sinal elétrico detectável quando passassem por esses dispositivos.
 
Se esta noção for verdadeira, Beck disse que a matéria escura já pode ter aparecido – em 2004, um experimento explorou os níveis de ruído nas junções S/N/S de Josephson, que revelou um sinal de origem desconhecida. Se esse sinal veio de um axion, significaria que estas partículas têm massas menores que quatro bilionésimos da massa dos elétrons. No entanto, para confirmar ou refutar a ideia de que axions geraram o sinal de 2004, novos experimentos são necessários.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Tipos de Estrelas

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton