Galáxia recém-descoberta é tão grande que funciona como lente de aumento

aglomerado de galáxias IRC 0128
O Telescópio Espacial Hubble da NASA acaba de encontrar a mais distante “galáxia lente de aumento” (um tipo grande o suficiente para agir como seu próprio microscópio intergaláctico) já observada. E, graças a um raro alinhamento, ela pode nos dar uma amostra de como nossa galáxia foi formada, bilhões de anos atrás. Estas “galáxias lupa” são tão grandes que sua gravidade dobra, amplia e distorce a luz de objetos localizados atrás dela, um fenômeno chamado de lente gravitacional. Encontrar tal sistema em uma área do céu tão pequena é tão raro que normalmente seria necessário examinar uma região centenas de vezes maior para encontrar apenas um exemplar deste tipo.

A galáxia está tão longe que nós, na verdade, a estamos vendo como era mais de 9,6 bilhões de anos atrás, sendo que o objeto localizado atrás da lente cósmica é uma pequena galáxia espiral passando por uma rápida explosão de formação de estrelas. A luz desta pequena galáxia chega até nós vinda de 10,7 bilhões de anos no passado. De acordo com o pesquisador Kim-Vy Tran, da Universidade Texas A & M, esta descoberta é completamente inesperada. 

“É muito difícil ver um alinhamento entre duas galáxias no início do universo”, afirma. “Imagine que esteja segurando uma lupa perto de você e, em seguida, a mova para muito mais longe. Quando você olha através de uma lente de aumento que está sendo segurada a um braço de distância, as chances de ver um objeto aumentado são elevadas. Porém, se você mover a lupa até o outro lado da sala, suas chances de ver a lupa quase perfeitamente alinhada com outro objeto além dela diminuem”, exemplifica o estudioso. Mas, como nós cruzamos com este alinhamento oportuno, somos capazes de usar os efeitos de distorção desta galáxia para determinar sua massa total (incluindo a matéria escura) ao “medir a intensidade de seus efeitos de aumento na luz da galáxia de fundo”.

 Então, quanto é que uma galáxia lente de aumento recordista pesa? Mais de 180 bilhões de vezes mais do que o nosso sol. A galáxia recentemente descoberta faz parte do aglomerado de galáxias IRC 0218, e ela supera a distância da galáxia lupa anterior em 200 milhões de anos. Esta galáxia, junto a outras como ela, poderia oferecer grandes insights sobre como as galáxias do início do universo se tornaram as enormes galáxias dominadas por matéria escura que vemos hoje.
Fonte: HypeScience.com
 [Gizmodo, NASA]



LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Tipos de Estrelas

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton