Telescópio flagra choque de asteroides

Telescópio Spitzer flagra choque de asteroides

Ilustração artística do que parece ter acontecido ao redor da estrela NGC 2547-ID8.[Imagem: NASA/JPL-Caltech]


Choque de asteroides

O telescópio espacial Spitzer detectou uma explosão de poeira em torno de uma estrela jovem, possivelmente o resultado de um choque direto entre dois grandes asteroides. Os astrônomos acreditam que esse tipo de colisão faz parte do processo de formação de planetas rochosos como a Terra. A estrela NGC 2547-ID8 vinha sendo rastreada regularmente quando surgiu uma enorme quantidade de poeira no seu entorno.

Nós achamos que dois grandes asteroides colidiram um com o outro, criando uma enorme nuvem de grãos do tamanho de areia muito fina, que agora estão se quebrando em pedaços menores e lentamente escapando para longe da estrela," disse Huan Meng, da Universidade do Arizona, nos Estados Unidos. Embora sinais de poeira que se suspeita terem resultado de colisões de asteroides já tenham sido observados antes, esta é a primeira vez que os astrônomos coletaram dados antes e depois do que eles chamam de uma "colisão de sistema planetário".

Formação planetária

A teoria mais aceita atualmente sustenta que os planetas rochosos surgem a partir de material empoeirado circulando em torno de estrelas jovens. O material se aglomera para formar asteroides, que se chocam e se destroem, retornando ao pó. Apesar disso, os cientistas propõem que alguns deles escapam da destruição, crescendo ao longo do tempo e se transformando em protoplanetas. Depois de cerca de 100 milhões de anos eles chegariam ao tamanho de planetas terrestres maduros.
Fonte: Inovação Tecnológica

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Tipos de Estrelas

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton