Pesquisa descobre que a Terra deve ser o produto da fusão de dois planetas

lua terra e theia - teoria da fusao

Uma nova pesquisa diz ter encontrado evidências de que um planeta embrião se fundiu com a Terra, e que desta colisão nasceram tanto a lua quanto nosso planeta.


MUDANÇAS DE PERSPECTIVA
Os astrônomos estavam investigando a forma como a lua se formou. Existe uma teoria de que ela foi produzida depois de um pequeno planeta, chamado Theia, se chocou com a Terra, cerca de 4,5 bilhões de anos atrás.  Theia teria simplesmente “arrancado” um pedaço do nosso planeta então em formação, explodindo a lua em órbita e seguindo pelo espaço. Agora, um estudo da Universidade da Califórnia em Los Angeles, nos EUA, sugere que Theia na verdade nunca nos deixou.


AMOSTRAS LUNARES
A equipe analisou sete rochas lunares trazidas de volta à Terra pelas missões Apollo, assim como seis rochas vulcânicas tiradas do manto da Terra. Os cientistas estavam procurando por isótopos de oxigênio contidos nas rochas – o que significa que estavam contando o número de prótons e nêutrons nos átomos de oxigênio. Isso é importante, porque as rochas de cada corpo planetário em nosso sistema solar têm uma “impressão digital” de isótopos de oxigênio, que pode ser usada para descobrir de onde elas vêm. Por exemplo, mais de 99,9% do oxigênio na Terra é O-16, o que significa que cada átomo contém oito prótons e oito nêutrons. Mas há também pequenas quantidades de O-17 e O-18 na Terra. E é a relação entre O-16 e O-17 que os cientistas podem usar para descobrir de onde as rochas – e outras substâncias – vieram.

NOVA TEORIA
Se Theia tivesse simplesmente batido de lado com a Terra e produzido a lua, como previsto anteriormente, nosso satélite natural seria composto principalmente de rochas deste planeta embrião. Logo, as rochas da Terra e da lua teriam diferentes taxas de isótopos de oxigênio. Mas este não é o caso.  Nós não vemos qualquer diferença entre isótopos de oxigênio da lua e da Terra, eles são indistinguíveis”, disse o pesquisador Edward Young. Em vez disso, as conclusões suportam uma hipótese proposta em 2012 de que Theia e a Terra se envolveram em uma colisão frontal e acabaram se fundindo. Theia teria se “misturado” com a Terra e a lua, e por isso a composição de ambas é parecida. Não sabemos muito sobre  Theia, mas acredita-se que o embrião planetário foi semelhante em tamanho à Terra, ou à Marte. Young explica que há evidências de que Theia estava crescendo, e se tivesse sobrevivido ao acidente, teria se tornado um planeta em seu próprio direito.

PARADIGMA
Se confirmada, a pesquisa vai mudar a nossa compreensão de como a Terra se formou e evoluiu. Também poderia fornecer algumas dicas sobre de onde nossa água veio – uma colisão frontal com Theia teria provavelmente despojado a Terra de água. Se este for o caso, ela pode ter sido trazida de volta ao nosso planeta por pequenas colisões com asteroides dezenas de milhões de anos mais tarde.
Fontes: Hypescience.com

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Tipos de Estrelas

Nova Classificação do Sistema Solar

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Como surgiu o primeiro átomo?

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton