A NGC 4424 e sua companheira moderna

Alguns objetos astronômicos possuem apelidos fáceis e rápidos de serem lembrados, inspirados ou na mitologia, ou na sua própria aparência. Por exemplo, a constelação de Orion (O Caçador), a Galáxia do Sombrero, a Nebulosa da Cabeça do Cavalo e a própria Via Láctea. Contudo, a grande maioria dos objetos cósmicos aparece em catálogos astronômicos, e não recebem nomes, mas sim códigos menos poéticos na ordem em que são descobertos.
Duas galáxias são claramente visíveis nessa imagem do Hubble, a maior delas é a NGC 4424. Essa galáxia está catalogada no New General Catalogue, ou NGC, um catálogo que foi criado em 1888. O NGC é um dos maiores catálogos astronômicos existentes. No total existem 7840 entradas no catálogo, e eles são também geralmente os objetos maiores, mais brilhantes e mais fáceis de serem observados.
A galáxia menor e mais achatada, localizada logo abaixo da NGC 4424, é chamada de LEDA 213994. O Lyon-Meudon Extragalactic Database, ou LEDA, é um catálogo muito mais moderno que o NGC. Esse catálogo foi criado em 1983, no Observatório Lyon e contém milhões de objetos. Nenhum astrônomo resiste a um bom acrônimo, e LEDA é muito melhor que LMED, além disso, LEDA tem um caráter mitológico que os astrônomos adoram, LEDA era o nome de uma princesa na mitologia grega antiga.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Tipos de Estrelas

Nova Classificação do Sistema Solar

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Como surgiu o primeiro átomo?

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton