28 de fev de 2018

Vida em outra parte do sistema solar? Estudo indica que pode ser aqui

Pesquisadores europeus afirmaram que a lua Enceladus, satélite de Saturno, pode apresentar as condições ideais para abrigar microrganismos unicelulares conhecidos como arqueias, um tipo de vida encontrado em alguns dos locais mais extremos da Terra. Em um experimento de laboratório, uma arqueia produtora de metano chamada Methanothermococcus okinawensis prosperou em condições que imitam as de Enceladus.

A teoria

Na Terra, este tipo de organismo vive em temperaturas muito quentes próximo a fontes hidrotermais em águas profundas, convertendo dióxido de carbono e hidrogênio em metano. Traços de metano foram previamente detectados em um vapor que emana de rachaduras na superfície de Enceladus. Os cientistas acreditam que esse metano detectado na lua de Saturno poderia, em princípio, ser produzido por seres vivos. Eles também calcularam que hidrogênio suficiente para suportar esses micróbios poderia ser produzido por processos geoquímicos no núcleo rochoso de Enceladus.

Enceladus

Saturno tem dezenas de luas. Pesquisas anteriores sugeriram que Enceladus tem um oceano de água líquida, um ingrediente-chave para a vida, sob sua superfície gelada. As pesquisas astronômicas também indicam que a lua contém compostos como metano, dióxido de carbono e amônia, e que possui atividade hidrotermal no seu polo sul, uma combinação de fatores que tornam esse ambiente um excelente candidato na busca por vida fora do planeta Terra.

A partir dessas informações, pesquisadores se propuseram a testar a hipótese de que as condições do satélite realmente podem ser boas para hospedar arqueias metanogênicas, e o que eles descobriram foi que sim, a lua poderia possuir tais microrganismos. No entanto, os resultados não fornecem “nenhuma evidência de vida extraterrestre”, sublinhou Simon Rittmann, da Universidade de Viena, na Áustria, um dos autores do estudo. Mais estudos ainda são necessários para excluir a possibilidade do metano de Enceladus ser proveniente de processos não biológicos.
Um artigo sobre a pesquisa foi publicado na revista científica Nature Communications.
Fonte: https://phys.org/news/2018-02-alien-life-solar-hints-saturn.amp
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...