Postagens

Mostrando postagens de Março 8, 2018

Os Mistérios da Matéria Escura

Imagem
A matéria escuraé um dos principais componentes do Universo. Calcula-se que 26% de tudo que existe no Universo seja matéria escura, mas a humanidade jamais conseguiu detectar sua presença diretamente. Nós só sabemos que ela existe, devido à influência dela nas coisas a sua volta. Um bom paralelo mais mundano é comparar a matéria escura com o vento, pois mesmo não enxergando o vento balançar os galhos de uma árvore, nós sabemos que ela está lá. Por isso é que a humanidade sabe que a matéria escura existe, pois sua gravidade é vista em todos os lugares, mas ela nunca foi vista diretamente.
EXTINÇÕES EM MASSA E A MATÉRIA ESCURA Da mesma maneira que a Terra gira em torno do Sol, nossa estrela gira em torno do centro da Via Láctea. Esse movimento do Sistema Solar leva 250 milhões de anos para completar uma volta. Mas toda essa movimentação não é perfeitamente plana, por isso, a cada trinta milhões de anos, o Sistema Solar passa por um lugar chamado disco galático, onde existe uma grande conc…

O que se passa com o universo?

Imagem
No dia 22 de janeiro, a NASA anunciou o resultado de uma pesquisa que vai mexer com a ideia que temos do nosso universo. É que uma equipe de astrônomos, usando o telescópio espacial Hubble, apresentou a melhor medida da taxa de expansão do universo jamais obtida. Essa taxa, chamada de constante de Hubble, começou a ser medida pelo próprio Edwin Hubble há uns cem anos e ela expressa a velocidade em que as galáxias se afastam umas das outras. Do jeito que ela é calculada a partir de medidas precisas da velocidade de galáxias, é possível obter a idade do universo.
Desde que foi proposta nesses moldes, cosmólogos observacionais procuram obter o valor da constante de Hubble justamente para saber como o universo se expande e qual sua idade. O grande problema é com a precisão das medidas das distâncias até as galáxias. Durante muito tempo, o erro nessas medidas era muito alto, levando a dois valores possíveis: e um era o dobro do outro! Alguns astrônomos acharam 50 km/s por megaparsec (uma un…

A estação espacial da China vai cair na Terra – e ninguém sabe onde

Imagem
Tiangong-1, que está em órbita desde 2010 e pesa 8,5 toneladas, deve atingir o solo entre o fim de março e o começo de abril. Pode cair nos EUA – ou na própria China É um pássaro? É um avião? Não. É a estação espacial chinesa Tiangong-1, com 8,5 mil quilos de metal. Para infelicidade geral, ela não está voando: está caindo, e vai atingir um ponto aleatório da superfície da Terra em alguma data entre 24 de março e 19 de abril. Tiangong-1 foi lançada em 2010, e em 2012 foi palco de um momento histórico: uma visita da astronauta Liu Yang, a primeira mulher chinesa a participar de uma missão na órbita da Terra. Ela não é uma estação espacial no sentido da ISS. Está mais para um ônibus escolar. Tem 10 metros de comprimento e 3 de largura, e serviu de protótipo para um projeto maior, ainda em desenvolvimento. Em 2016, alguns anos após a data de validade prevista originalmente, saiu de operação. Logo depois a agência espacial chinesa deu as más notícias: eles haviam perdido contato com o módul…

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...