NGC 7293: A Nebulosa da Hélice

Crédito da imagem e direitos autorais: Martin Pugh
A apenas setecentos anos-luz de distância da Terra, na constelação de Aquarius, uma estrela parecida com o Sol, está morrendo. Os últimos milhares de anos foram necessários para produzir a Nebulosa da Hélice, ou NGC 7293, um exemplo próximo e muito bem estudado de um objeto conhecido como Nebulosa Planetária, típica da fase final da evolução estelar. Um total de 58 horas de exposição foram necessárias para criar essa visão profunda da nebulosa, mostrada acima. Acumulando dados de banda limitada das linhas de emissãoo dos átomos de hidrogênio em vermelho e dos átomos de oxigênio em tonalidades azul esverdeada, a imagem acima mostra detalhes surpreendentes da região brilhante interna da nebulosa, com aproximadamente 3 anos-luz de diâmetro, mas também mostra as feições mais apagadas do halo externo que faz com que a nebulosa se espalhe por mais de 6 anos-luz. O ponto branco no centro da Hélice é a estrela central quente da Nebulosa Planetária. Com uma aparência simples a uma primeira vista, entende-se atualmente que a Hélice tenha uma geometria surpreendentemente complexa.
Fonte: http://apod.nasa.gov/apod/ap121004.html

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Tipos de Estrelas

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton