Postagens

Mostrando postagens de Abril 3, 2019

Hubble observa asteroide a quebrar-se

Imagem
Esta imagem pelo Telescópio Espacial Hubble revela a auto-destruição gradual de um asteroide, cujo material poeirento ejetado formou duas caudas estreitas e longas, parecidas às dos cometas. A cauda maior tem mais de 800 mil quilómetros de comprimento e mais ou menos 4800 km de espessura. A cauda mais curta tem cerca de um-quarto desse comprimento.Crédito: NASA, ESA, K. Meech e J. Kleyna (Universidade do Hawaii) e O. Hainaut (ESO)
De acordo com novos dados obtidos pelo Telescópio Espacial Hubble e por outros observatórios, um pequeno asteroide foi apanhado no processo de girar tão depressa que está a expelir material.  As imagens do Hubble mostram duas caudas estreitas, parecidas às dos cometas, de detritos empoeirados que saem do asteroide (6478) Gault. Cada cauda representa um episódio no qual o asteroide libertou suavemente o seu material - evidências de que Gault está a começar a desfazer-se.
Descoberto em 1988, o asteroide com 4 km tem sido observado repetidamente, mas as caudas de…