Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 7, 2019

New Horizons explora ultima Thule

Imagem
Esta imagem obtida pelo instrumento LORRI (Long-Range Reconnaissance Imager) é a mais detalhada de Ultima Thule já transmitida até à data pela New Horizons. Foi obtida às 05:01 (UT) de dia 1 de janeiro de 2019, apenas 30 minutos antes da maior aproximação, a 28.000 km, com uma escala original de 140 metros por pixel.
A sondaNew Horizons da NASA passou por Ultima Thule nas primeiras horas do dia de Ano Novo, inaugurando a era da exploração da enigmática Cintura de Kuiper, uma região de objetos primordiais que detém a chave para entender as origens do Sistema Solar.
Os sinais que confirmaram que a nave está de boa saúde e tinha ocupado o seu armazenamento digital com dados científicos de Ultima Thule chegaram ao centro de operações da missão no Laboratório de Física Aplicada Johns Hopkins, às 15:29 de dia 1 (hora portuguesa), quase 10 horas depois da maior aproximação da New Horizons pelo objeto.
"A New Horizons teve um desempenho como planeado, levando a cabo a exploração mais longín…

China revela primeiras imagens de pouso histórico na face oculta da lua

Imagem
China é primeira nação a pousar no lado "escuro" da lua, o que demonstra crescentes ambições de Pequim de rivalizar com os EUA como uma potência espacial China divulga imagens nunca antes vistas após aterrissagem histórica. (Administração Nacional do Espaço da China / Agência de Notícias Xinhua)/Reprodução)
A China divulgou nesta quinta-feira as primeiras imagens do lado “escuro” da lua. Após uma missão bem sucedida, o país tornou-se o primeiro a pousar uma espaçonave no hemisfério lunar que não pode ser visto da Terra. A aterrisagem da sonda chinesa Chang’e-4 ocorreu na cratera de Von Karman, na bacia de Aitken, considerada uma das maiores crateras formadas por impacto em todo o sistema solar.
Segundo os cientistas, a região é chave para entender várias questões sobre a história da formação da Lua. Os cientistas terão a chance de examinar, de forma inédita, materiais do outro lado da lua e realizar testes de minerais e radiação. A sonda também conduzirá um experimento de biolo…

5 mistérios sobre Marte ainda buscam resolução

Imagem
Nós sabemos muito sobre o Planeta Vermelho após quatro décadas de exploração, mas algumas perguntas  O quarto planeta do sistema solar, Marte, há muito capturou a imaginação popular e o interesse científico. Por décadas, os robôs que exploram o planeta vermelho estão enviando imagens de um mundo estranho, repleto de uma beleza de tirar o fôlego. Com montanhas três vezes mais altas que o Everest e cânions cinco vezes mais longos que o Grand Canyon, Marte é um paraíso para viajantes aventureiros. E, com sua atmosfera empoeirada, com calotas polares que mudam com as estações do ano e com um dia de aproximadamente 24 horas, Marteé parecido com a Terra o suficiente para atrair visitantes humanos.
Enquanto a próxima missão da NASA, a sonda InSight, se prepara para pousar no final de novembro, dê uma olhada em alguns dos maiores mistérios sobre Marte ainda a serem resolvidos – incluindo algumas coisas que talvez nunca saibamos até que os humanos pisem em solo marciano.
A água no estado líquido …

Retrospectiva Astronómica de 2018

Imagem
O ano de 2018 foi emocionante para as missões espaciais. À medida que uma era lançada em direção ao Sistema Solar interior numa viagem épica para tocar o Sol, outra deixou o Sistema Solar para tocar o espaço interestelar - a uns impressionantes 18 mil milhões de quilómetros de casa. Ambas vão lançar luz sobre ambientes extremos e distantes. Entretanto, outras missões estão focadas em ambientes mais parecidos com o nosso lar - trabalhando para melhor entender a Terra e planetas como o nosso.
Por exemplo, em abril, foi lançada a missão TESS para estudar exoplanetas próximos, aumentando as chances de que os astrónomos possam em breve encontrar outras moradias habitáveis. E, no final de novembro, o "lander" InSight da NASA alcançou Marte na primeira missão para estudar o interior do planeta. É particularmente excitante, tendo em conta que dois achados este ano melhoraram as hipóteses de que o Planeta Vermelho já possa ter abrigado vida: o primeiro descobriu moléculas orgânicas em…