Nova Curiosity vai procurar sinais de vida e definir exploração de Marte

Próximo veículo robótico deve ser lançado pela agência espacial americana em 2020 e promete abrir caminho para humanos no planeta vermelho
Nasa planeja para missão a Marte em 2020 uma estrutura básica que reaproveita o design e a engenharia desenvolvidas para o robô Curiosity, porém inclui novos instrumentos científicos para objetivos diferenciados Foto: NASA/JPL-Caltech / Divulgação
 
O veículo de exploração espacial a ser enviado a Marte pela Nasa - agência espacial americana - em 2020 vai procurar por sinais de vidas passadas, coletar amostras para um possível retorno à Terra e testar a tecnologia destinada a futura exploração humana no planeta vermelho, de acordo com um relatório elaborado por técnicos da agência e apresentado ontem. No documento de 154 páginas, a equipe responsável por definir os objetivos da próxima missão com um robô similar ao Curiosity propôs metas de alta prioridade que podem representar um grande passo rumo ao objetivo definido pelo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, de enviar humanos para Marte na década de 2030.
 
Elaborar os objetivos de ciência e exploração é um marco crucial para a preparação da nossa próximo grande missão em Marte", afirmou John Grunsfeld, da Nasa. "Esses objetivos se tornarão a base para solicitar instrumentos que devem fazer parte da carga científica nesta etapa emocionante da exploração de Marte. A Nasa vai promover uma competição aberta para escolher quais instrumentos científicos serão levados ao planeta vermelho em 2020. Esses objetos serão colocados em um veículo robótico semelhante ao Curiosity, que aterrissou em Marte há quase um ano.
 
A Nasa planeja aproveitar o mesmo design - o que, segundo informou, vai ajudar a reduzir os custos e riscos da missão, além de assegurar que o robô será capaz de cumprir os objetivos da missão. A missão de 2020 deve dar continuidade aos feitos da Curiosity e outros projetos de exploração de Marte. As sondas Spirit e Opportunity descobriram evidências de que houve água em solo marciano. A Curiosity confirmou, recentemente, que as condições ambientais do planeta no passado eram condizentes com a vida microbiológica. Segundo a Nasa, procurar por sinais de vidas passadas é o próximo passo.
Fonte: Terra

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais visitadas deste blog

Galéria de Imagens - Os 8 planetas de nosso Sistema Solar

Tipos de Estrelas

Nova Classificação do Sistema Solar

Como surgiu o primeiro átomo?

Os satélites naturais do Sistema Solar

Johannes Kepler

Veja os 10 maiores mistérios das estrelas

Isaac Newton