Todos alinhados

 Crédito: ESA/Hubble e NASA, J. Dalcanton. Agradecimentos: L. Shatz

Essa bela imagem feita pelo Telescópio Espacial Hubble mostrar o sistema de galáxias em interação conhecido como Arp-Madore 2105-332, esse sistema está localizado a cerca de 200 milhões de anos-luz de distância da Terra na constelação de Microscopium. Esse sistema, como o próprio nome já diz pertence a um catálogo de galáxias peculiares, conhecido como Arp-Madore.

A qualidade dessa imagem obtida pelo Hubble também revela algumas galáxias mais distantes, que não estão associadas a esse sistema mas que por sorte estão posicionadas de maneira que parecem formar uma linha que se liga à galáxia maior da esquerda do sistema Arp-Madore. Essa galáxia da esquerda é conhecida individualmente como 2MASX J21080752-3314337, enquanto que a galáxia da direita é conhecida como 2MASX J21080362-3313196.

Esses nomes são complicados, ninguém consegue decorar mas são nomes que trazem todas as informações necessárias sobre as galáxias, o projeto que as estudou e esse monte de número depois do J são as coordenadas do objeto, a sua ascensão reta e declinação, com isso qualquer astrônomo no mundo pode localizar os objetos no céu.

Ambas as galáxias do sistema Arp-Madore são conhecidas como sendo galáxias de linha de emissão. Isso significa que quando são estudadas através de espectrometria, os espectros de ambas exibem picos brilhantes característicos, conhecidos como linhas de emissão. Esse é um tipo de galáxia diferente, por exemplo, daquelas que são conhecidas como galáxias de linhas de absorção, cujos espectros apresentam buracos, conhecidos como linhas de absorção.

As linhas de emissão são produzidas quando os gases estão muito quente e assim possuem energia suficiente de modo que seus átomos e moléculas são “excitados” e emitem luz. Em outras palavras, as galáxias de linhas de emissão são locais altamente energéticos, fazendo com que elas sejam locais onde muitas estrelas estão nascendo.

As galáxias normalmente recebem várias classificações, como essas, nessa imagem do Hubble, elas são galáxias de linha de emissão do ponto de vista espectral, mas to ponto de vista morfológicos são conhecidas como galáxias peculiares devido a forma que apresentam e por isso o conjunto das duas galáxias pertence ao catálogo Arp-Madore.

Fonte: Esahubble.org

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cavalo-marinho cósmico

Mu Cephei

Fobos sobre Marte

Desvendando NGC 3169

Nebulosa Crew-7

Galáxia Messier 101

Agitando o cosmos

Júpiter ao luar

A Lagoa Profunda

Isolamento galáctico